Lindo Caçarelhos, Terra como tu não há!